Conheça o AWS Server Migration Service

dezembro 2, 2016 12:00 am Publicado por Deixe um comentário

Gosto de usar a foto histórica à direita para enfatizar uma situação que muitos de nossos clientes enfrentam. Eles precisam mover sua infraestrutura de TI existente para a nuvem AWS sem programar períodos de manutenção prolongados para a migração de dados. Como muitas destas aplicações são de missão crítica e são fortemente orientada a dados, deixar sistemas off-line para mover gigabytes ou terabytes de dados armazenados simplesmente é impraticável.

Novo serviço

Hoje eu gostaria de falar sobre o AWS Server Migration Service.

Este serviço simplifica e agiliza o processo de migração de aplicações virtualizadas existentes para o Amazon EC2. Para prestar o suporte equivalente de TI do caso de uso ilustrado na foto, ele permite que você replique de forma incremental máquinas virtuais (VMs) ao vivo para a nuvem, sem a necessidade de um período de manutenção prolongada. Você pode automatizar, agendar e controlar a replicação incremental dos seus volumes do servidor ao vivo, simplificando o processo de coordenação e implementação de migrações em grande escala que se estendem por dezenas ou centenas de volumes.

Você terá o controle total do processo de replicação, a partir do AWS Management Console, AWS Command Line Interface (CLI) e através de um conjunto de APIs de migração. Depois de escolher os servidores Windows ou Linux para migrar, você pode escolher a frequência de replicação que melhor corresponde ao padrão de uso do seu aplicativo e minimiza a largura de banda de rede. Nos bastidores, o AWS Server Migration Service replicará os volumes do seu servidor para a nuvem, criando uma nova Amazon Machine Image (AMI) para cada volume. Você pode acompanhar o status de cada tarefa de replicação do console. Cada sincronização periódica gera uma nova AMI, o que permite testar os volumes migrados antes do seu corte final.

sms_purple_reign_1

Tour pelo Migration Service

Antes de iniciar o processo de migração real, você precisa baixar e implantar o AWS Server Migration Service Connector. O Connector é executado dentro do seu ambiente virtualizado existente, e permite que a própria migração seja feita sem agente, poupando-lhe a dificuldade de instalar um agente em cada servidor existente. Se você comanda uma grande organização e/ou tem vários ambientes virtualizados, você pode implantar várias cópias do Connector.

O Connector tem uma interface web que você acessará de dentro do seu ambiente existente. Depois de clicar no contrato de licença, você será solicitado a criar uma senha, configure as configurações de rede local e finalize com a escolha de algumas preferências. Em seguida, você precisará fornecer ao Connector um conjunto de conta AWS ou credenciais de usuário IAM para que ele possa acessar o SMS, S3 e APIs do SNS. Se você usar um usuário IAM, você também precisará criar uma função de IAM apropriado (o User Guide contém um exemplo).

Com o Connector instalado e funcionando, você pode efetuar login no AWS Management Console, naveguar para o Service Management Server e ver uma lista de todos os conectores que foram registrados com o serviço. De lá, você pode importar o catálogo do servidor de cada conector e inspecionar o inventário de servidores:

sms_server_inventory_1

Então, você pode escolher alguns servidores para replicar. Selecione-os e clique em Create replication jobs. Em seguida, você configura o tipo de licença (AWS ou Bring Your Own) para o servidor:

sms_replication_job_page1_1

Feito isso, você pode escolher iniciar a replicação imediatamente, ou numa data e hora no futuro. Você também pode escolher o intervalo de replicação:

sms_replication_job_page2_1

Depois de analisar e aprovar as configurações, você pode visualizar todos os seus trabalhos de replicação no painel:

sms_jobs_dashboard_1

Você também pode examinar trabalhos individuais:

sms_job_details_1

E você pode ver as AMIs criadas após cada execução incremental:

sms_amis_for_job_1

A partir daí você pode clicar em Launch instance, escolher um tipo de instância EC2 e realizar testes de aceitação no servidor migrado.

Já disponível

O AWS Server Migration Service já está disponível nas Regiões Leste dos EUA (Norte da Virgínia), Europa (Irlanda) e Ásia-Pacífico (Sydney) e você pode já começar a usá-lo. Não há nenhum custo para o uso do serviço; você paga pelo armazenamento do S3 usado durante o processo de replicação e pelos snapshots do EBS criados quando a migração estiver concluída.

Source: IMasters

Categorizados em:

Este artigo foi escrito pormajor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *