Gerenciando projetos com GitHub Issues e Waffle.io

outubro 11, 2016 1:00 pm Publicado por Deixe um comentário

Neste artigo, vamos ver como a Compufácil está usando o Github Issues e o Waffle para gerenciar seus projetos. A equipe da Compufácil desenvolve um sistema de controle financeiro com versões web e mobile.

Na Coderockr, sempre fomos adeptos da simplicidade de ferramentas como o Trello, mas para um projeto grande como o da Compufácil acabamos adotando como ferramenta o Jira. O Jira é uma excelente solução, principalmente sua versão cloud, mas com o passar dos meses percebemos que estávamos subutilizado suas funcionalidades. Seguindo o exemplo da Conta Azul, resolvemos fazer a migração para o GitHub Issues, pois já usávamos o GitHub para gerenciar os códigos do projeto. Como existiam centenas de tarefas no Jira, criamos um pequeno script para fazer essa migração, que pode ser encontrado no repositório do projeto.

Uma das funcionalidades preferidas das equipes no Jira sempre foi o quadro Kanban, onde todos podem facilmente acompanhar o andamento das tarefas e projetos.

 im-1Kanban no Jira

Para mantermos essa funcionalidade, optamos pelo Waffle, que se conecta ao GitHub e monta um belo quadro para podermos criar issues e acompanhá-las visualmente.

 im-2Kanban no Waffle

Dentre as vantagens que encontramos nesse processo podemos citar:

  • Facilidade de uso. Agora temos mais de uma interface para gerenciar as tarefas, pois elas podem ser visualizadas pelo GitHub, preferido pela equipe técnica, ou pelo Waffle, adorado pelas equipes de produto. Ou mesmo pela linha de comando, usando alguns dos scripts que a equipe técnica criou. E como temos integrado o GitHub com o Slack, podemos acompanhar direto pelo chat. E eu uso um aplicativo no iPhone para poder acompanhar as issues enquanto estou fora do escritório.
  • Maior ligação entre tarefas e códigos. Já usávamos a integração do Jira com o GitHub para facilitar a identificação dos códigos com as tarefas, mas com tudo no mesmo repositório isso ficou ainda mais transparente.
  • Custos. Como estávamos usando poucos recursos do Jira, o valor acabava não compensando. E como o Waffle possui uma conta free muito competente, agora podemos realocar recursos para outras ferramentas.
  • Estatísticas. Um dos pontos fortes do Jira é a possibilidade de gerar gráficos e estatísticas de performance e estimativa. Mas como os códigos estavam em uma ferramenta de terceiros, acabávamos tendo informações desencontradas. O Waffle possui um gráfico simples apontando o número de issues e pull requests finalizados por semana que é útil, mas não era o suficiente. Por isso estamos usando o Planrockr para nos fornecer os dados e estatísticas avançadas que precisamos para acompanhar e melhorar a performance do projeto.

Com a migração do Jira para o Github + Waffle facilitamos a vida de todos os membros de maneiras distintas. Utilizando a integração nativa do GitHub, diminuímos a quantidade de convenções que os desenvolvedores precisam seguir para manter as tarefas sincronizadas com o código. E através do Waffle e do Planrockr, mantemos a equipe bem informada sobre o andamento do projeto como um todo. Essa migração também abriu portas para um conjunto novo de automatizações que vai tornar o dia a dia da equipe cada vez mais simples e agradável. Jean Carlo Machado, team leader da Compufácil

Fizemos essa migração há alguns meses, e já estamos colhendo bons frutos devido aos pontos citados acima. Como agora temos as tarefas e os códigos atrás de uma ótima API como a do GitHub, estamos aos poucos criando uma série de integrações e scripts para facilitar nosso dia a dia. Pretendemos compartilhar com a comunidade as próximas melhorias e experiências que tivermos, então acompanhe o blog da Compufácil e o blog da Coderockr para acompanhar as novidades.

Mensagem do anunciante:

Experimente a Umbler, startup de Cloud Hosting por demanda feita para agências e desenvolvedores e ganhe até R$ 100 em créditos!

Source: IMasters

Categorizados em:

Este artigo foi escrito pormajor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *