Réplicas de leitura de região cruzada para Amazon Aurora

julho 11, 2016 5:00 pm Publicado por Deixe um comentário

Você já tem o poder de dimensionar a capacidade de leitura das suas instâncias do Amazon Aurora criando réplicas de leitura adicionais a um cluster existente. Agora é possível criar uma réplica de leitura em outra região. Esse novo recurso permitirá executar uma recuperação de desastres por região cruzada e escalar sua leitura. Você também pode usá-lo para migrar de uma região para outra ou para criar um novo ambiente de banco de dados em uma região diferente.

Criar uma réplica de leitura em outra região também cria um cluster Aurora nessa região. Este cluster pode conter até 15 réplicas a mais de leitura, com uma latência de replicação muito baixa (tipicamente menor que 20 ms) na região (entre as regiões, a latência varia de acordo com a distância entre a origem e destino). Você pode usar este modelo para duplicar seu cluster e ler a configuração de réplicas em todas as regiões para recuperação de desastres. No caso de uma interrupção regional, você pode promover a réplica de região cruzada para ser a mestre. Isso permitirá que você minimize o tempo de inatividade para a sua aplicação de região cruzada. Este recurso se aplica a clusters do Aurora não criptografados.

Antes que você comece realmente criar a réplica de leitura, você precisa cuidar de um par de pré-requisitos. Você precisa ter certeza de que uma VPC e os grupos de sub-rede do banco de dados existem na região alvo e você precisa habilitar o log binário no cluster existente.

Configurando o VPC

Uma vez que o Aurora sempre é executado dentro de um VPC, garanta que o VPC e os grupos de sub-rede do banco de dados existam na região alvo. Veja o meu:

con_aurora_cross_target_subnet_groups_1

Ativando o log binário

Antes de criar uma réplica de leitura de região cruzada, você precisa habilitar o log binário para o seu cluster existente. Crie um novo grupo de parâmetros do cluster DB (se você ainda não estiver usando um não padrão):

con_aurora_create_cluster_pg_2

Ative o log binário (escolha MIXED) e clique em Save Changes:

con_aurora_edit_cpg_1

Em seguida, modifique a Instância DB, selecione o novo Cluster Parâmetro Grupo DB, verifique imediatamente aplicáveis e clique em Continue. Confirme as suas modificações e, em seguida, clique no botão Modify DB Instance para seguir:

con_aurora_pick_cpg_2

Selecione a instância e a reinicie, então, espere até que esteja pronto.

Criar replica de leitura

Com os pré-requisitos preparados, é hora de criar a réplica de leitura. De dentro do AWS Management Console, selecione o cluster de origem e escolha Create Cross Region Read Replica no menu Instance Actions:

con_aurora_cross_reg_replica_menu_1

O nome do novo cluster e a nova instância, e depois escolha a região alvo. Escolha a DB Subnet Group e defina as outras opções como desejado, em seguida, clique em Create:

con_aurora_create_cr_replica_1

O Aurora vai criar o cluster e a instância. Os estados de ambos os itens permanecerão em creating até que os itens sejam criados e os dados replicados (isso pode levar algum tempo, dependendo da quantidade de dados armazenados no cluster existente).

Este recurso já está disponível e você já pode começar a usá-lo.

Source: IMasters

Categorizados em:

Este artigo foi escrito pormajor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *